segunda-feira, 28 de julho de 2008

Diesel abre em São Paulo sua maior loja no mundo

25/07/2008 - 09h03

ALCINO LEITE NETO
Editor de Moda da Folha de S.Paulo
VIVIAN WHITEMAN
da Folha de S.Paulo

O empresário italiano Renzo Rosso, dono da Diesel, vai abrir no Brasil a primeira loja no mundo de sua empresa Staff.Criada em sociedade com o brasileiro Esber Hajli, a loja trará ao país criações de um dos principais nomes da moda, o belga Martin Margiela, além de roupas da designer russa Sophia Kokosalaki e, futuramente, da grife Viktor & Rolf.

A Staff também vai vender peças da DSquared2 e a linha superpremium Diesel Denim Gallery.

Todas essas marcas pertencem à empresa Staff, que, como a Diesel, faz parte da holding Only the Brave, de Rosso. A prestigiosa Viktor & Rolf, da dupla de estilistas holandeses Viktor Horsting e Rolf Snoerer, foi adquirida pelo empresário italiano nesta semana.

"A Staff é projeto inteiramente novo, e seu laboratório será o Brasil", diz Hajli, que desde 2001 é distribuidor da Diesel no país e agora passou a sócio dos negócios brasileiros da empresa italiana.

A Staff ficará no segundo andar do novo prédio da Diesel em São Paulo, que começa a funcionar no próximo mês. No térreo, no subsolo e no primeiro andar serão vendidos os produtos Diesel, Diesel Black Gold e Diesel Kids, para crianças. Rosso deve vir para a festa de inauguração, em 13 de agosto.

Com quatro pavimentos e cerca de 1.000 m2, a loja Diesel de São Paulo será a maior do mundo. É um empreendimento luxuoso na rua Haddock Lobo, que custou cerca de R$ 13 milhões e situa a marca na vizinhança das lojas da Louis Vuitton e de Giorgio Armani.

A Folha fotografou com exclusividade o local, ainda sem as roupas, que serão colocadas às vésperas da abertura. A loja Diesel na rua Oscar Freire será desativada. A do shopping Iguatemi permanecerá.

O projeto foi feito pelo arquiteto italiano Massimo Pegoraro, e boa parte do mobiliário e das peças de design veio da Itália. O local terá um bar no primeiro andar e área de atendimento VIP no térreo. As coleções da Diesel deixarão de vir ao Brasil com uma temporada de atraso e serão lançadas ao mesmo tempo em que chegam às lojas da Europa e dos EUA.

Embora situada no último andar do prédio da Diesel, a Staff terá entrada separada, já que, a princípio, se destina a um outro público, mais fashionista. Com 350 m2 e decoração que lembra a de um galpão industrial, vai abrigar inicialmente cerca de cem itens da coleção de Martin Margiela --estilista que não se deixa fotografar e é um dos mais respeitados por críticos de moda.

Hajli crê que exista futuro comercial no Brasil para a roupa criativa e ousada de Margiela. "O mercado de luxo no Brasil é minúsculo, apesar do barulho que se faz. Mas eu não faria esse teste se não tivesse confiança no negócio", diz.

5 comentários:

Anônimo disse...

EU me chamo dimasdepaula adoro o jeans diesel ,camisas acessorios etc ;gostaria de vende diesel na minha boutique si alguem souber como e onde me informar dimasdepaula@yahoo.com.br

vanessa disse...

oi meu nome é vanessa moro interior de sao paulo em rio claro masi estou indo morar com uam amiga em sao paulo gostaria de saber se tem alguma vaga pra esta trabalhando na loja da diesel meu email é vanvan_freitas@hotmail.com
obrigada pela atençao

Sofia disse...

Olá
Boa Noite, gostaria de saber como faço para trabalhar nessa nova loja que irá inaugurar da Diesel.
Agradeço se alguém puder me responder !

ju disse...

comprei 2 jeans e camisetas diesel em Veneza para presentear ,mas nao serviram entao gostaria de trocar mas estou muita dificuldades. Lá em Veneza garantiram que em qquer multimarcas trocariam, e isto aqui em Balneario Camboriu lojas multimarcas nao aceitam. O que faço?????

SILVELETE disse...

MINHA AMIGA COMPROU UMA CALÇA DA DIESEL EM PORTUCAL PARA O MEU FILHO, POREM FICOU PEQUENA NELE, ENHO COMO TROCAR EM UMA LOJA AQUI NO BRASIL, MORO NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, MEU EMAIL É silvia@somaxbrasil.com.br, por favor preciso de uma resposta pois a calça é muito bonita,